quarta-feira, novembro 06, 2019

Leilão da cessão onerosa do Pré-sal é um fracasso para o governo e os entreguistas. Vitória para a população.

Leilão da cessão onerosa do Pré-sal é um fracasso para o governo e os entreguistas. Vitória para a população.

A maior parte dos campos não teve interessados. E só a Petrobras bancou com 100% do campo de Itapu e com 90% do campo de Búzios junto com duas chineses que colocaram 5% cada uma.
Grande derrota do Décio Oddone (ANP), Paulo Guedes e desgoverno Bolsonaro. 

O fato real é que as petroleiras estrangeiras e os fundos financeiros globais fugiram do leilão. Grande derrota do Décio Oddone (ANP), Paulo Guedes e o desgoverno Bolsonaro. Na prática o mercado e os investidores sinalizaram que não acreditam neles, mesmo que tenham oferecido quase tudo ao mercado.
Veja na foto ao lado do desespero da turma do mercado. 

Vamos repetir abaixo os comentamos que fizemos em nota aqui neste espaço na segunda-feira (04/11):

"A turma do Guedes, Bolsonaro, ANP e Castelo Branco quer privatizar e entregar tudo na área de petróleo. O leilão do pré-sal pretende entregar US$ trilhões em reservas de óleo e gás já descobertas para as petroleiras privadas e fundos financeiros globais.
Porém, eles começam a desconfiar que tudo isso será revisto e os contratos suspensos tamanho o absurdo. Veja que algumas petroleiras já estão pulando fora do leilão como foi o caso das europeias BP (inglesa) e da Total (francesa).
A própria ANP já identifica que alguns magníficos campos de petróleo podem não ter sequer oferta.
Além disso, também se fala como nessa matéria do Valor (Daniell Rittner e Murilloo Camarotto) que os grupos estrangeiros (entre petroleiras e fundos) não estão dispostos a encabeçar nenhum consórcio.
Eles sabem que os riscos de questionamentos e rompimentos desses absurdos são grandes. As petroleiras e os fundos americanos, de outro lado, parecem confiar no governo dos EUA e nas ações de sua geopolítica. A conferir!"

Um comentário:

Floriano de Oliveira disse...

Caro Roberto, melhor assim, não? Ganhamos mais tempo para que o País sai desse abismo que nos encontramos. Eu, diante das notícias de que hoje seria o dia da venda do Brasil, fui tomado por uma imensa tristeza. Mais triste ainda porque penso que a retomada da sessão do STF, somente na quinta feira, foi estrategicamente marcada para depois do leilão. Com esse resultado, espero que Lula seja liberto e acredito que os movimentos sociais e as lutas ganharão um outro sentido. Espero.