terça-feira, setembro 25, 2012

Briga e pancadaria em fábrica na China que produz Iphones

O custo social da produção dos objetos mais cobiçados da Apple, Sony e HP na fábrica da Foxconn na China:

3 comentários:

Gustavo disse...

É o comunismo chinês juntando o pior de dois mundos.

Roberto Moraes disse...

Caro Gustavo,

Ao inverso é a face capitalista em seu mais alto grau usando o estado chinês para atender os lucros de quem está em outros continentes, especialmente, o americano.

A exigência e a cobrança sobre o trabalhador em graus comparáveis ao do início do fordismo.

Os grandes alojamentos apontados na matéria mostram um controle comum, neste tipo de organização que vai para além do trabalho e garantem aquilo que se chama de condições de produção em que ao trabalhador se dá, alimentação, descanso e algum dinheiro para eles garantirem a produção dos Iphones, IPads, IPods a preços que não seriam possíveis se produzidos onde são consumidos.

Sds.

Gustavo disse...

Roberto, é o capitalismo em seu mais alto grau, que encontra as melhores condições para se desenvolver num sistema totalitário como a China.

O mercado internacional promove, sim, a criação de essas condições penosas para os trabalhadores. A ironia é que seja no paraíso da igualdade onde se concretize.