terça-feira, dezembro 08, 2015

Cresce as matrículas no ensino superior

As matrículas no ensino superior cresceram 7,1% e atingiram 7,83 milhões de alunos de graduação no ano passado em relação ao ano anterior. Este é o dado divulgado do último Censo do Ensino Superior feito pelo Inep/MEC, referente ao ano de 2014.

O maior percentual de crescimento foi nas matrículas nas universidades particulares que cresceu 9,2%. Nas universidades públicas, onde atualmente estudam um quarto dos universitários da graduação, o aumento foi de 1,5%.

Do total de 5,8 milhões de alunos no ensino privado, 1,9 milhões (33% ou 1/3) são de alunos com o Fies, matriculados em cursos presenciais.


O Ensino à Distância (EaD) teve um crescimento de 16,3% e chegou a 1,3 milhão de alunos.Cerca de 2,3 mil instituições oferecem ensino superior no Brasil.

É muito significativo o número de estudantes do ensino superior no noturno, um total de 63% das matrículas.

Diante da freada que a crise exigiu que fosse feito com o Fies é provável que os números de 2015 que só serão tabulados ano que vem deixe de apresentar estes seguidos aumentos de matrícula.

Mesmo lamentando o crescimento via o apoio ao financiamento da rede privada, há que se saudar a quantidade de brasileiros que estão tendo possibilidade de avançar em seus estudos, muitos atendidos pelo Fies ou pelo ProUni.

Há esperanças de que a retomada da expansão da exploração offshore de petróleo no pré-sal, abasteça o Fundo Soberano com recursos dos royalties, e os investimentos no ensino público possa representar um significativo aumento.

Nenhum comentário: