quarta-feira, julho 24, 2013

Reclamação contra Posto de Saúde da PMCG

O blog acaba de receber do Wagner Matos a reclamação abaixo contra a Unidade Básica de Saúde Alair Ferreira, na avenida Francisco Lamego, no parque Vicente Dias, em Guarus:

"Roberto meu nome é Wagner. Sou com muito orgulho nascido e criado em Campos. Terra que amo. Aqui eu quero continuar vivendo e criar os meus filhos.... Mas nos últimos tempos é lamentável o que estamos vendo acontecer com a saúde desse município.... O escritório de minha empresa fica localizado no inicio da Senador J. C. Pereira Pinto. Ali perto existe um posto de saúde (Posto Alair Correa). Hoje uma funcionária do escritório não estava se sentindo muito bem. Resolvi leva-la até lá para aferir sua pressão...Acredite se quiser: O POSTO NÃO TEM APARELHO. O ÚNICO QUE TEM, OU TINHA ESTÁ COM DEFEITO. Isso é o cúmulo do absurdo. Onde vamos parar? Para onde esta indo o dinheiro dos nossos impostos? VERGONHA!

Att; Wagner."

6 comentários:

Anônimo disse...

Prof. Roberto,

Poderíamos iniciar um grande debate sobre a saúde de Campos, conforme citado pelo colaborador acima, como também sobre o HGG, Saldanha Marinho e o Álvaro Alvin, enfim nesta cidade que recebe milhões por mês, pergunto onde vai este dinheiro todo? Pois a população fica a ver navios com total falta de estrutura de material e pessoal para ser atendido, ou seja a Saúde aqui e ZERO......

Anônimo disse...

PROTESTO NA ODONTOLOGIA DE CAMPOS
Caros colegas(DENTISTAS, como já foi divulgado, a relotação dos dentistas e ASBs se dará a partir de 15 de agosto. Não podemos nos calar. A Odontologia está desprestigiada e humilhada dentro da Secretaria de Saúde. Agora, querem nos impor mais esta agressão. Quais interesses estão por detrás disso? Certamente, não são confessáveis. A união faz a força. Precisamos mostrar a inoportunidade e a inadmissibilidade deste ato, já que há pouco menos de 4 anos já estivemos submetidos a isso. Para mostrar nossa indignação e preservar nossa identidade, a fim de não sofrermos retaliação, encaminhamos o endereço da Ouvidoria do CRO/RJ para que reclamemos. Eles só poderão agir se houver muitas reclamações. Vamos exigir nossos direitos!

Antônio disse...

Muito simples como a lei de Salomão.
"Olho por olho, dente por dente".

Se essa aberração da relotação realmente sair, deveremos iniciar imediatamente uma operação padrão, ou seja, qualquer anormalidade que estiver ocorrendo nos postos de trabalho, deverá ser imediatamente denunciada ao CRO, Vigilância Estadual ( não a Municipal por motivos óbvios) e parar imediatamente as atividades laborais.
Vamos começar a fotografar e postar nas redes sociais e enviar as fotos para os jornais ( menos para o Diário, também por motivos óbvios).

Já basta !

Anônimo disse...

Acho que a relotação se faz necessária porque desde a última,e diga-se de passagem,ÚNICA,relotação oficial(como ocorre periodicamente na sec.de educação que é tão grande,importante e complexa como a saúde com o nome de concurso de remoção)ocorrida na saúde municipal incluindo várias categorias profissionais(e não somente a dos dentistas)ocorreram inúmeras “relotações”oficiosas,com transferências de vários dentistas sem qualquer tipo de critério,dando margem portanto a se pensar que só podem ter ocorrido na base da “amizade”,apadrinhamento,politicagem,e coisas medíocres como essas.Aliás,após a concessão da gratificação de plantão 24h foi uma verdadeiro”trem da alegria” de remoções de dentistas que possuíam algum tipo de conhecimento político ou de “amizade”com a chefia,além dos sempre conhecidos vários casos dos que são lotados e ganham como plantonistas mas na verdade ficam,como sempre ficaram muitos,a disposição do depto.de odontologia(é só olharem o CNES e a espantosa quantidade de CD’s “plantonistas” mas que não trabalham como tal,na coordenação de odontologia).É lógico que os muitos que se locupletaram nessas situações vão querer mantê-la sob todo tipo de argumento e aqualquer custo.Na verdade deve a admnistração pública se pautar,dentre outras coisas,pela impessoalidade,tranparência,igualdade,etc.para que Todos os servidores efetivos(nesse caso os dentistas,que ao que parece é o depto mais bagunçado no que diz respeito a pessoal)tenham a MESMA oportunidade de escolha para lotação com Igualdade de condições entre si,com o mínimo de critérios como por ex.a antiguidade,ou colocação obtida no(s)concurso de ingresso ao serviço publico…e não como hoje é,na injusta influencia pessoal.Que se tenha SIM,relotação para que mais uma vez se arrume a casa com critérios minimamente justos para todos e não somente para alguns privilegiados que querem manter seus STATUS,”conquistados” desigualmente entre seus colegas de profissão

Anônimo disse...

Em Campos O Povo é tratado como Gado. Saúde em estado crítico, Educação - a Pior do Estado segundo IDEB. Prefeita a senhora Não me Representa, representa seus interesses e de seus familiares. Campos uma cidade BILHONÁRIA e um POVO Miserável. Até Quando !!!

Anônimo disse...

Prefeita o cidadão Campista merece saúde padrão Círio Libanês, com a senhora.